sexta-feira, 23 de março de 2012

O SR JORNALISTA DISSE ... NÃO FUI EU... JURO!

.
ESTAMPANÇO
.


Arménio Carlos tinha pressa. Mal chegou à liderança da CGTP, quis mostrar serviço. De discurso rápido e fácil, pensou que conseguia uma mobilização maciça do proletariado ("whatever that means").

O resultado, como se viu, foi um fiasco. Não só a greve não foi geral, como os transportes públicos (a arma que permite que as greves se transformem em gerais) não o ajudaram: ontem, durante um directo para a Al-Jazeera, quando o repórter Barnaby Philips me questionou sobre o sucesso da greve, não resisti a apontar-lhe vários autocarros da Carris que circulavam mesmo por trás dele...

Arménio Carlos esqueceu-se de dois "pormaiores": 1 - Chegou à liderança da CGTP no meio da mais profunda crise económica da democracia. E se há altura em que os sindicatos portugueses são irrelevantes é... nas crises económicas (Arménio quase admitiu isso ontem, quando reconheceu ser difícil mobilizar trabalhadores numa conjuntura como a actual). 2 - Não percebeu que a preocupação dos portugueses, nas crises, não é... deixar de trabalhar; é não perder o emprego, ainda que para isso tenham de sacrificar alguns direitos.

Que um qualquer analista não perceba esta qualidade do povo português (a de preferir menos regalias, mantendo o emprego) é desculpável. Que um sindicalista como Arménio Carlos a ignore, não augura nada de bom para o seu futuro. Até porque as coisas vão ficar piores. Primeiro porque a UGT, naquela que foi uma das decisões mais responsáveis de João Proença, tirou o tapete à CGTP na concertação social. Segundo porque o Governo vai privatizar os transportes públicos. Ora sem greves nos transportes públicos não há greves gerais. "Bad luck", Arménio.

.

.
Ora.... e ainda dizem que eu sou contra as greves e a favor da "outra senhora"
Grande Arménio... continua assim por favor ... a caminho do fim.
.

quinta-feira, 15 de março de 2012

GENTE SÉRIA E TRABALHADEIRA

.
QUEREM OBRIGAR-NOS A NÃO TRABALHAR!
.
 




Os Verdes, gente trabalhadora e virada para o bem comum, quer ajudar o povo Português a viver bem. Dessa forma, entendem estes senhores que devemos ser obrigados a não trabalhar no dia de Carnaval.
Abençoado esquerdismo, rótulo que cada vez mais é sinónimo de ... (não, não digo que é feio).
.

domingo, 11 de março de 2012

NOTIFIQUE-SE ..., SEM ERROS ORTOGRÁFICOS

TRIBUNAL DIZ QUE ACORDO ORTOGRÁFICO NÃO ESTÁ EM VIGOR
.


«Notifique ainda a agente de execução, esclarecendo-a, que por força da Ordem de Serviço nº 2/2012, no 2º Juízo Cível do Tribunal Judicial de Viana do Castelo, não se aplica a grafia do denominado Acordo Ortográfico de 1990. Por outro lado, e uma vez que este acordo não entrou em vigor na ordem jurídica portuguesa, agradece-se que se apresentem os requerimentos no integral e escrupuloso cumprimento do disposto no artigo 139º, nº 1, do Código de Processo Civil, ou seja, sem erros ortográficos.»
Esta imagem reproduz o ficheiro em formato PDF recebido de fonte identificada que nos solicitou omissão da sua identidade. Também por questões de reserva de identidade foram “esborratados” os nomes ali mencionados.


FONTE . - ILCAO
.

quinta-feira, 8 de março de 2012

LUSOPONTE GERIDA POR VIGARISTAS?

.
RESPONSÁVEIS DEVEM SER DESPEDIDOS DE IMEDIATO
.
O Primeiro Ministro disse que os tipos até nem tinham recebido indevidamente os dinheiros das portagens. O Secretário de Estado veio a terreiro dizer que afinal a Lusoponte tinha recebido o dinheiro, e a Lusoponte confirmou-o.
Várias questões se me colocam. 
Até 2010 porque é que os utentes da ponte vermelha de Lisboa não pagavam portagem no mês de Agosto?
Porque raio é que a Lusoponte recebia dinheiro compensatório pelas portagens não pagas pelos utentes da ponte sobre o rio Tejo, dinheiro esse que era pago por todos os contribuintes?
Se essas benesses acabaram no ano de 2011, porque é que pagaram indevidamente à Lusoponte?
Se essas benesses acabaram em 2011, porque é que a Lusoponte aceitou um dinheiro que lhe não era devido.
Se por erro pagaram à Lusoponte dinheiro que não deveria ter sido pago, porque é que o Primeiro Ministro não sabia?
Se o Primeiro Ministro não sabia, quem é que lhe não disse?
Não seria o Secretário de Estado dos Transportes quem deveria ter informado o Primeiro Ministro?
Se o Secretário de Estado dos Transportes e o/os responsáveis da Lusoponte cometeram tamanho erro e se "fecharam em copas" dando agora uma imagem de incompetência e falta de seriedade, até de vigarice, porque raio é que ainda andam por aí a receber o ordenado a que já não deveriam ter direito?
Se é assim, porque é que os responsáveis da oposição, com o seu oportunismo constante e selvagem, não chamam os vigaristas e os incompetentes pelo seu nome, em vez de "chagarem" o Primeiro Ministro?
O homem, coitado, já tem tanto com que se preocupar ...


sábado, 3 de março de 2012

sexta-feira, 2 de março de 2012

É A TERCEIRA VEZ CONSECUTIVA - (os golos)

.
PALAVRAS PARA QUÊ?
.
2-3
TRÊS PONTOS DE AVANÇO, QUE VALEM QUATRO!

O Benfica perdeu oito pontos em 3 jogos ...
E se o Braga ganha amanhã? Como fica, Jesus?

OS GOLOS:





.