domingo, 31 de janeiro de 2010

O SR ALEGRE BOTOU FALADURA

.
MAS DO QUE DISSE POUCO INTERESSA
.
Já com as Presidenciais à vista, Alegre veio ao Porto discursar.
Diz não querer ser candidato em nome de nenhum partido, mas sem ele, PS, não irá longe. O BE, que o condiciona à esquerda, não chega para o levar para uma campanha ganhadora. O sr Alegre nunca poderá vir a ser um candidato para os Portugueses, embora o possa ser para alguns poucos.
O MIC, não chega para suprir a falta de uma candidatura apoiada pelo centro, que é essencial a um candidato, para vencer.

.
JFM
.

Ligações:
A, B

sábado, 30 de janeiro de 2010

NÃO FOI FÁCIL

.
BENFICA NÃO LARGA O BRAGA
.
Não foi uma vitória fácil, mas os dois golos de Carlos Martins, mantiveram o Benfica ao lado do Braga. Ao intervalo o resultado mostrava 1-1.
Foi um jogo mal jogado, em especial na primeira parte, mas o importante, os três pontos, não fugiram aos homens da casa.
Apesar de derrotados, os vimaranenses, lutaram, e bem, até final do jogo.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E, F

TIRAR A BARRIGA DE MISÉRIAS

.
FOI FÁCIL, DEPOIS DO PENALTI, E DA EXPULSÃO
.
O FCPorto, foi à Madeira golear o Nacional. Depois de, ainda no primeiro tempo, numa jogada entre Alvaro Pereira e Alex Bruno (uma estreia de Manuel Machado no seu regresso ao banco), ter havido penalti e expulsão do jogador do Nacional, o jogo foi fácil. Não foi no entanto a comprovação de que o FCPorto passou a jogar bem, antes pelo contrário. O FCPorto não podia perder e não o fez.
Carlos Xistra, fez uma muito má exibição.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E

AOS BOCADOS

.
POR ESTES DIAS
.

Propositadamente afastei-me por alguns dias dos problemas nacionais, e deixei de escrever sobre o assunto.

A política, fosse a que nível fosse, cansava-me já. Tudo era a mesma coisa. Cada um a tentar prejudicar o outro, os primeiros a arranjar maneira de se beneficiarem ou aos seus amigos, os segundos a fazer exactamente a mesma coisa. Todos a calarem o que os pode vir a prejudicar, sem se importarem

Mas tive de voltar, não é o meu afastamento que melhora seja o que for. De facto, nada mudou, nem para melhor, nem para pior. E assim, volto a escrever, na esperança de poder mudar qualquer coisinha.

O Orçamento de Estado para 2010, é o que se sabe.

Um conjunto de inverdades, ajustadas com os parceiros políticos e com os adversários. Contas mal feitas ou demasiadamente bem feitas, de modo a que se não notem os buracos, promessas baseadas em números inviáveis, medidas populistas para calar a oposição e apaparicar o povo que, estupidamente, não quer ver as dificuldades que vão sentir logo depois, ou que simplesmente as não sabe ver. A ignorância do povo, ou a sua incapacidade para decifrar as coisas, é muito boa para quem nos governa.

As despesas públicas não vão para de aumentar e os proventos não irão deixar de diminuir, pelo que as dificuldades vão crescer e o aumento de impostos, a curto prazo, tem de ser inevitável.

As contas públicas apresentadas sobre o ano de 2009, até ao Governador do Banco de Portugal, surpreendem. Um deficit de 9,3% do PIB, não augura nada de bom para os anos que aí vêm.

A agitação social, é também o que se sabe.

Os senhores enfermeiros, do alto da sua condição de licenciados, entenderam que poderiam e deveriam fazer greve para fazerem valer os seus direitos e expectativas de futuro. Não o deveriam, no entanto, fazer de maneira a prejudicar os restantes cidadãos, mas chegaram até ao cúmulo de fecharem estradas, e de circularem nelas em marcha muito lenta. E, claro, se o ridículo matasse, um deles não teria tido tempo de queimar a bata. Coitados, alguns estão no desemprego, e os que começam a carreira têm como vencimento base mil e vinte euros. Depois, como muitos que por aí andam, profissionais qualificados, os que trabalham, e são muitos, têm vários empregos, em diversas instituições de saúde, e o seu rendimento sobe, mas isso eles não dizem. Talvez que não convenha. Querem, no fundo, equiparar-se aos médicos, única profissão que tem emprego assegurado mal acaba a licenciatura, e cujos vencimentos são por certo bem mais altos, quando começam a trabalhar, e mesmo depois.

O desemprego continua a ganhar assossiados. Todos os dias se inscrevem como sócios muitos Portugueses, que não podem fazer greves, não cortam estradas ou circulam nelas em marcha lenta, nem conseguem reinvindicar seja o que for. E os números vão continuar a crescer. A fome, em muitos lares, já bate à porta, e em alguns casos, entra mesmo sem bater.

O consumo interno, apesar dos números de Dezembro, não subirá, e as exportações diminuirão. Anos difíceis nos esperam. As dificuldades que vivemos até hoje, não se vão poder comparar com as que aí vêm.

O crime violento cresce a olhos vistos. Todos os dias há situações macabras que se descobrem, assassinatos que se cometem, assaltos à mão armada que se verificam.

Portugal já recebeu mais de um milhão e meio de vacinas contra a gripe A, numa altura em que a nível mundial, muitas vozes se levantam para denunciar este embuste.

O IVA dos automóveis desaparece, mas o ISV aumenta, de modo a que o preço dos carros não só não desça, como até possa subir. O Estado é que não pode ficar sem a receita a que está habituado.

As politiquices são ainda e sempre o que se sabe.

O PSD não muda, não se entende e não tem até ver, ninguém que tenha pulso para o governar.

O poeta quer ser candidato à Presidência da República, e nem que seja pela idade, deveria parar para pensar e afastar-se. Para além disso, vai dividir o partido. É uma proposta perdedora.

E a vida Nacional vai assim, desta forma, igual à que tem sido de há muitos anos a esta parte. Um jogo de interesses, uns interesses que se sobrepôem aos da maioria, uma maioria que vive silenciosa, um silêncio que esconde muita da nossa realidade, uma realidade que vai acabar por nos destruir a todos.

.

JFM

.


Ligações:
A, B, C, D, E, F, G, H, I, J, L, M

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

E JÁ VÃO QUINZE

.
BRAAAAAAAGAA
.
São já quinze, os pontos que separam o primeiro, parece que ninguém o consegue tirar de lá, do quarto classificado da Liga, que ainda pode vir a ser apanhado pelo quinto, nesta jornada.
Vitória do SP Braga, sem contestação.
O Sporting sem soluções, recorreu às faltas, em número demasiado, em especial no segundo tempo.
Na segunda parte, o Braga que já tinha sido a melhor equipa em campo na primeira, foi claramente superior, secando por completo o adversário, sendo que o Sporting raramente chegava com perigo à baliza arsenalista. Não fazendo um grande jogo, o Braga, fez o que pretendia para ganhar.
A dez minutos do fim, Eduardo, sem sorte, ficou com a bota presa na relva e lesionou-se, recuperando depois do que poderia ter sido muito grave, ficando nitidamente inferiorizado. Domingos já tinha esgotado as substituições e Eduardo "teve" de ficar em campo.
Sete minutos de compensação, foi quanto as interrupções do jogo, motivaram.
Já no fim do jogo, Eduardo fez duas defesas sensacionais, com o Sporting, por fim, a mostrar-se.
O Braga já aqui venceu o Porto, o Benfica, e agora o Sporting. Na primeira volta, também já tinha ganho a este Sporting, em Lisboa.
Temos no Braga uma equipa com perfil de campeã.
Em Braga, acredita-se.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E, F, G

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

O DITADOR E O SEM JUÍZO

.
BELMIRO SEM PAPAS NA LÍNGUA
.
Numa entrevista à revista Visão, a sair amanhã, Belmiro de Azevedo ataca tudo e todos. Para ele, o poeta Alegre deveria ter juízo, coisa que se sabe que não tem, e o Presidente Cavaco é um ditador, coisa que alguns saberão melhor que outros.
Depois, é a descascar por aí fora. A ler.

.
JFM
.

LEIXÕES

SENHORA DO SALTO

A REVOLTA DOS SENHORES ENFERMEIROS

.
ADESÃO EM MASSA
.
Já há muito tempo que não se viam números tão iguais. Os do Ministério da Saúde e o do Sindicato dos Enfermeiros. Os primeiros admitem cerca de 77% de adesão e os segundos reclamam 90 a 95%. Convém não esquecer que há serviços, em certos hospitais, onde não pode haver adesão à greve, uma vez que os serviços mínimos a serem assegurados, abarcam a totalidade dos efectivos.
Seja como for, a adesão à greve por parte dos senhores Enfermeiros foi grande, muito grande.
E este é o primeiro de três dias de greve, sendo que no sábado se esperam, espera o sindicato, dez a quinze mil enfermeiros na manifestação a realizar na capital.
Está em causa a revisão da carreira da classe, ou seja, dinheiro e remuneração e incentivos económicos e possibilidade de ganhar mais dinheiro mais depressa. E estarão no seu pleno direito, já que os exemplos de contenção, vindos de cima, das classes economicamente mais fortes, e os dos nossos governantes, são o que se sabe. Os senhores enfermeiros são licenciados e o mínimo que conseguem receber de vencimento, é cerca de 1020 euros, o que comparado com a restante administração pública é uma ninharia.
Por isso, para a frente com a greve, que o que se necessita é colocar as finanças do País na ordem, e desta maneira vamos consegui-lo, caminhando alegremente para o abismo.
.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, E, F, G, H, I, J,

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

A ABSTENÇÃO AJUDA

-
SÓ O PARTIDO DO GOVERNO VOTA A FAVOR
.
E chega para que o Orçamento seja viabilizado. Não precisam de votar favoravelmnte. O CDS/PP foi o primeiro a anunciar a abstenção, pretendendo com isso obter ganhos políticos, mas a mais que previsivel abstenção do PPD/PSD vai apagar esses ganhos. A posição o partido de Manuela Ferreira Leite é mais importante que a do de Paulo Portas. Com bastante pena deste.
Os outros, claro, até por causa da aliança à direita, irão certamente votar contra, mas de nada lhes servirá. Para já a estabilidade está garantida por mais algum tempo.
.
JFM
.
Ligações:
.

domingo, 24 de janeiro de 2010

SÓ HÁ QUATRO VAGAS

.
TAÇA DA LIGA
.
Só há quatro vagas para os quartos de final da Taça da Liga. Porto e Benfica, têm de vencer se querem seguir em frente.
Porto, ganha 2-0 ao Estoril. Passa.
Benfica ganha 2-1 ao Rio-Ave. Passa.
Sporting ganha 1-0 ao Trofense. Passa.
Académica ganha 1-0 ao Leixões. Passa.
De nada serviram os apedrejamentos, os insultos, filmes no You Tube e outras coisas dos últimos dias. Foram estes os quatro que passaram aos quartos de final da Taça da Liga.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D
E, F, G, H
I, J, K

E SE FOSSE....

.
SIM, E SE FOSSE....
.
... o autocarro do Benfica e o carro do seu presidente a serem apedrejados, e os culpados os desconhecidos dos Super Dragões?
Muita tinta correria nos jornais, muitas horas se gastariam nos telejornais e isto não ficaria por aqui. Exigir-se-iam prisões no mínimo.

.
JFM
.
Ligações:
A, B, C, D

sábado, 23 de janeiro de 2010

OS TRINTA PENALTIS - BELENENSES - FCPORTO

.
QUE VERGONHA
.


.
JFM
.

Ligações:

A, B,

AINDA BEM QUE EU NÃO FALO MAIS NISTO

.
AINDA É NOTÍCIA LÁ PARA BAIXO?
.
Ainda bem que eu disse, está quase a fazer um mês, que NÃO iria falar mais disto, ou senão teria de comentar o que se vai passando com aquela bebida air race, e não me agradaria nada.

.
JFM
.

Ligações

A, B, C

NÃO SOU CANDIDATO

.
DIZ MENEZES
.
.
.
Luís Filipe Menezes, diz não querer ser candidato, e quer muito bem. Seria um suicídio político. É um óptimo autarca e com obra feita, e iria perder muito com a candidatura.
Embora não apoie seja quem for, está convencido da vitória de Pedro Passos Coelho.
Não será para admirar que assim seja, hoje, já que Marques Mendes também não quer ser candidato já que o partido não tem juízo, e não há ainda qualquer outro candidato à liderança do PSD.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D

EVOLUÇÃO NO ENSINO

.

A evolução do ensino - Interessante

Que tristeza.....

A evolução do ensino de Matemática!

Na semana passada comprei um produto que custou 1,58€.
Dei à funcionária da caixa 2,00€ e 8 cêntimos, para
evitar receber ainda mais moedas.
A rapariga pegou no dinheiro e ficou a olhar para a máquina
registradora, aparentemente sem saber o que fazer.
Tentei explicar-lhe que tinha que me dar 50 cêntimos de troco, mas ela
não se convenceu e chamou o gerente para a ajudar.
Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente tentava explicar-lhe aquilo que aparentemente continuava sem entender.
Por que estou a contar isto? Porque dei conta da evolução do ensino de matemática
desde 1956, altura em que entrei para a escola primária.

Parece-me que foi assim:


1. Ensino de matemática em 1956:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100$00.
O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de venda .
Qual é o lucro?


2. Ensino de matemática em 1970:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100$00.
O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de
venda ou seja, 80$00.
Qual é o lucro?


3. Ensino de matemática em 1980:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100$00.
O custo de produção desse carro de lenha é 80$00.
Qual é o lucro?


4. Ensino de matemática em 1990:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100$00.
O custo de produção desse carro de lenha é 80$00.
Escolha a resposta certa, que indica o lucro:
( )20$00 ( )40$00 ( )60$00 ( )80$00 ( )100$00


5. Ensino de matemática em 2000:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100$00
O custo de produção desse carro de lenha é 80$00.
O lucro é de 20$00.
Está certo?
( )SIM ( ) NÃO


6. Ensino de matemática em 2009:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100,00€.
O custo de produção é 80,00€.
Qual é o lucro?
Se você souber ler coloque um X no 20,00€.
( )20,00€ ( )40,00€ ( )60,00€ ( )80,00€ ( )100,00€


7. Em 2010 vai ser assim:

Um lenhador vende um carro de lenha por 100,00€.
O custo de produção é 80,00€.
Qual é o lucro?
Se você souber ler coloque um X no 20,00€.
Se você for filiado no Partido Socialista, não precisa responder, porque o seu diploma está garantido.
( )20,00€ ( )40,00€ ( )60,00€ ( )80,00€ ( )100,00€



.
JFM
.
(recebido por mail)

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

PORTO, SPORTING, BELENENSES E MAFRA

.
SPORTING E PORTO SEGUEM EM FRENTE
.
Até parecia que o Sporting ia ter dificuldades frente ao Mafra, quando sofreu um golo imediatamente a seguir ao seu primeiro, mas logo logo se dissiparam as dúvidas. Ganhou por quatro golos contra três, e acabou por merecer, embora no final do jogo tudo se tenha complicado. O jogador chinês do Mafra, Zhang (lê-se djám), marcou três golos, sendo o último mesmo no fim do jogo, e o primeiro um monumental golo. Foi o herói do Mafra. Carvalhal nem queria acreditar e ficou com os olhos em bico e um ar zangadíssimo.
O FCPorto sofreu a bom sofrer contra o Belenenses, que marcou primeiro. Depois Falcão, sempre ele, igualou. Quase no fim do jogo, Lima que tinha marcado o golo do Belenenses, voltou a marcar um excelente e espectacular golo. Logo de imediato, Rodriguez volta a igualar a partida. Adivinhava-se o prolongamento, o que veio a acontecer.
Primeira parte do prolongamento, nada!
Começa a segunda parte do prolongamento, e ... nada de novo.
Vamos aos penaltis.
Beto é bom a defendê-los. Bruno Vale não parece ser pior.
É só falhanços ou boas defesas... Festival de oportunidades perdidas. É impressionante.
No final,
Onze penaltis para cada lado, vinte e dois ao todo, e só se concretizaram dez. Continua tudo empatado.
Belenenses 5 - Porto 5
Vamos à segunda volta.
6-5
6-6
7-6
7-7
Complicado isto!
8-7
8-8
9-8
9-9
Difícil!
Falhanço, 9-9
9-10
Trinta penaltis para se apurar um vencedor. O triplo do normal.
ISTO, é uma vergonha. Andam estes senhores jogadores a ganhar milhões e a brincar com os adeptos e simpatizantes. Só interessam os chamados jogos contra os grandes, e nos jogos contra os chamados pequenos ninguém se esforça?
Estou cansado deste futebol comercial.
O FCporto segue em frente.






.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D
E, F, G, H
I, J

TAÇA DE PORTUGAL

.
BRAGA, PAÇOS DE FERREIRA, NAVAL E RIO-AVE SEGUEM EM FRENTE
.
Bastou um bocadinho para que o Braga reduzisse o Freamunde a quase nada. O líder da liga impôs-se com muita facilidade.
Por sua vez, o Rio-Ave, após empate após o tempo de jogo, também se impôs ao Guimarães.
O Paços de Ferreira, foi vencer ao campo do Nacional.
A Naval, lá levou de vencida o quase tomba gigantes.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E, F, G, H

NÃO OS DEIXAM EM PAZ

.
NOVO SISMO DE GRAU 6,1
.
Novo terramoto, este de grau 6,i acaba de abalar o Haiti. Já não basta o que basta e a natureza vem e quer destruir ainda um pouco mais do que sobrou e ficou de pé.
Fome, desespero, destruição, assaltos, pilhagens, ferimentos, silêncios, cheiros, morte, de tudo há em excesso na ilha.
A ajuda vem aos bocados e não chega. E agora mais isto.
Pobre povo.

.
JFM
.
Ligações:
A, B, C, D, E, F, G, H, I

DOTeCOMe...o Blog: Red Bull Gay Race

DOTeCOMe...o Blog: Red Bull Gay Race

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

CANDIDATURA À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

.
CANDIDATURA DE ANTÓNIO PEDRO RIBEIRO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA
APRESENTAÇÃO DO LIVRO "UM POETA NO PIOLHO" NO PÚCAROS
.
António Pedro Ribeiro, poeta anarquista, diseur, performer e aderente nº 346 do Bloco de Esquerda anuncia na próxima quarta, 20, pelas 23,30 h, no bar Púcaros no Porto (à Alfândega) a sua candidatura à presidência da República nas Presidenciais/2011. O anúncio da candidatura coincide com a apresentação do livro "Um Poeta no Piolho" (Corpos Editora) no mesmo local e à mesma hora. A candidatura de António Pedro Ribeiro, embora respeite muito a figura de Manuel Alegre enquanto poeta e humanista, vai contra os entendimentos de mercearia entre o Bloco de Esquerda e o PS de Sócrates que se desenha em torno da candidatura do poeta. A candidatura de António Pedro Ribeiro é a candidatura do homem livre que está contra a economia de mercado e a social-democracia de mercado que nos infernizam a vida. A candidatura de António Pedro Ribeiro é uma candidatura de ruptura contra todas as formas de capitalismo, estejam elas na bolsa, nos bancos ou no grande capital. É uma candidatura que não pactua com negociações e sindicatos em busca de influências, estatutos e poderes. É uma candidatura pela vida no sentido nietzscheano, pela vida autêntica, plena sem patrões nem grandes irmãos. É uma candidatura que olha para os desempregados e para os pobres sem estatísticas nem contas de mercearia. Todo o ser humano tem direito à sua subsistência e algo mais. Não tem de andar a mendigar coisa nenhuma. A candidatura de António Pedro Ribeiro é uma candidatura de rebelião e de ruptura com o instituído que acredita, com Rosa Luxemburgo, que os problemas não se resolvem no Parlamento mas sim na rua. Acredita também que o capitalismo destrói o homem e que, portanto, deve ser derrubado nas ruas como tem sido tentado na Grécia e em França. Acredita também que o melhor governo é não existir governo nenhum e que os partidos de esquerda (PCP, Bloco de Esquerda) têm feito, muitas vezes, o jogo do sistema aceitando migalhas do poder."Um Poeta no Piolho" é uma homenagem aos 100 anos do café "Piolho" feitos à mesa da cerveja e das mulheres que vêm ou não vêm. É o percurso de mais de 20 anos do poeta no "Piolho" em torno de discussões literárias, políticas ou amorosas, é a homenagem aos empregados e aos gerentes do "Piolho", a todos aqueles que por lá passam e continuam a passar, a todas aqueles que fizeram e que fazem do "Piolho" um café com História e recheado de estórias todos os dias.António Pedro Ribeiro ou A. Pedro Ribeiro nasceu no Porto no Maio de 1968. É autor dos livros "Queimai o Dinheiro" (Corpos, 2009), "Um Poeta a Mijar" (Corpos, 2007), "Saloon" (Edições Mortas, 2007), "Declaração de Amor ao Primeiro-Ministro" (Objecto Cardíaco, 2006) e "Á Mesa do Homem Só. Estórias" (Silêncio da Gaveta, 2001), entre outros. Foi fundador da revista literária "Aguasfurtadas" e colaborou nas revistas "Cráse", "Bíblia", "Conexão Maringá" e "A Voz de Deus", entre outras. Foi activista estudantil na Faculdade de Letras do Porto e no Jornal Universitário do Porto. Fez performances poéticas no Festival de Paredes de Coura 2006 e 2009 (com a banda Mana Calórica) e recentemente nas "Quintas de Leitura" do Teatro Campo Alegre (Outubro de 2009). Diz regularmente poesia nos bares Púcaros e Pinguim e no Clube Literário (Poesia de Choque). "Um Poeta no Piolho" será apresentado pelo poeta Anthero Monteiro e pelo editor da Corpos Ricardo de Pinho Teixeira. O diseur Luís Carvalho dirá poemas do livro.No dia seguinte, 21, quinta, pelas 22,00 h, António Pedro Ribeiro volta a apresentar a sua candidatura no Clube Literário do Porto, acompanhado por Luís Carvalho e pelo músico Luís Almeida, durante a habitual sessão de POESIA DE CHOQUE que tem lugar todas as terceiras quintas de cada mês.
.
Com os melhores cumprimentos,
António Pedro Ribeiro.tel.
965045714
-

ALEGRE CANDIDATO

.-
.
UM ALEGRE CANDIDATO
.

Estou disponível, disse.
Excelente candidato da esquerda mais radical, Manuel Alegre não terá o meu voto. Já o não teve da outra vez, e agora (2011) não será diferente.
O poeta é, politicamente, demasiadamente à esquerda para meu gosto. Basta essa premissa para que eu saiba que nunca poderá ser o Presidente de todos os Portugueses. Um Presidente tem de ter o apoio das classes politicamente moderadas e posicionadas ao centro. Alegre dificilmente obterá apoios do centro direita, estando ainda para ver se os obterá do centro esquerda. É um candidato perdedor, mas que é necessário que exista para abrilhantar, e dar um pouco de sal, à campanha eleitoral.


.
JFM
.
Ligações:
A, B, C, D, E, F
G, H, I, J, K, L
M, N, O, P, Q, R, S
T, U, V, X, Y, Z

domingo, 17 de janeiro de 2010

MÁQUINA DE FAZER GOLOS

.
MARÍTIMO GOLEADO 5-0
.
E Peçanha defendeu muito.
E a primeira parte teve 7 (sete) minutos adicionais.
O Marítimo entrou a pressionar muito e quase foi um auto golo na baliza do Benfica, com uma bola ao poste.
Aos 30' expulsão de Olberdam por palavras, e primeiro golo. O jogo ficou marcado e o Marítimo ficou impossibilitado de recuperar.
Aos 45'+3 expulsão de Robson por impedir com o braço a bola de entrar na baliza. Penalti e terceiro golo.
Marítimo joga toda a segunda parte com nove jogadores e metade da primeira com dez.
Na segunda parte o Benfica "só" marcou dois golos, ante um Marítimo completamente destroçado.
Afinal a época das goleadas ainda não acabou.


.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D

SEMPRE A DAR-LHE

.
BRAGA CONTINUA EM GRANDE
.
E o Sporting de Braga continua à frente. Ninguém o para.
Desta vez, foi a Académica que claudicou às suas mãos (pés). Domingos Paciência regressou à sua antiga casa para vencer convincentemente.
Com um penalti e um livre se resolveu a questão.
Agora basta esperar pelo Benfica para saber se continua em primeiro, isolado ou acompanhado. Para já, leva seis pontos de vantagem sobre os campeões nacionais.
A visão de um novo campeão, começa a formar-se.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D

LEIXÕES GANHA NO RESTELO

.
BELENENSES VS LEIXÕES
.
O Leixões deixou o Belenenses na última posição. A equipa do Restelo só tem uma vitória na prova, conseguida logo no início do campeonato (segunda jornada).
Logo no minuto 27 o Belenenses ficou sem um elemento e a perder por um golo. Um revés nunca vem só. Depois, mais um, à beira do intervalo deixou que o guarda redes do Leixões, Diego, defendesse uma grande penalidade. no segundo tempo, foi sempre a descer. O desnorte apoderou-se da equipa da casa.
Principalmente na segunda metade, o Belenenses não encontrou argumentos para levar de vencida o Leixões, que ganhou com mérito.


.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D

sábado, 16 de janeiro de 2010

O MERGULHO DE FALCÃO

.
PAÇOS DE FERREIRA VEM EMPATAR AO DRAGÃO
.
Não fora o mergulho de Falcão e o FCPorto teria perdido um jogo que era de vencer. O Braga e o Benfica podem ficar muito mais longe e o Sporting pode reduzir a desvantagem.
O FCPorto só pode queixar-se de si mesmo, pois que só tarde e mal despertou, e do árbitro que de entre muitos erros, anulou um golo limpo a Falcão e expulsou Ozeia.
Raul Meireles e Bruno Alves, por via dos cartões amarelos que receberam hoje, não podem jogar contra o Nacional da Madeira, o que é preocupante. Fernando não jogou por estar lesionado e Hulk e Sapunaru também não por estarem à espera das decisões da Comissão Disciplinar.
Arbitragem de meter dó.


.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E, F, G, H

A PRAIA DE MADRID

.
A UM PULINHO DE TGV
.


Entre no TGV e num pulinho está na praia, logo ali, em Lisboa, junto ao mar.
Convenceram-me da necessidade deste mega-projecto.

.
JFM
.
imagem surripiada a quem a surripiou a fliscorno.blogspot.com
.

SÓ MESMO CÁ - AJUDA PRECIOSA

.
PORTUGAL, PAÍS NO QUAL SE PODE CONFIAR
.

Avaria no avião obriga missão portuguesa ao Haiti a regressar a Lisboa



.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

CANDIDATO ALEGRE

.
UM ALEGRE CANDIDATO
.

Estou disponível, disse.
Excelente candidato da esquerda mais radical, Manuel Alegre não terá o meu voto. Já o não teve da outra vez, e agora (2011) não será diferente.
O poeta é, politicamente, demasiadamente à esquerda para meu gosto. Basta essa premissa para que eu saiba que nunca poderá ser o Presidente de todos os Portugueses. Um Presidente tem de ter o apoio das classes politicamente moderadas e posicionadas ao centro. Alegre dificilmente obterá apoios do centro direita, estando ainda para ver se os obterá do centro esquerda. É um candidato perdedor, mas que é necessário que exista para abrilhantar, e dar um pouco de sal, à campanha eleitoral.


.
JFM
.
Ligações:
A, B, C, D, E, F
G, H, I, J, K, L
M, N, O, P, Q, R, S

MEU QUERIDO E ADORADO GAY

.
NOVOS CASAMENTOS, NEGÓCIOS DE MILHÕES
.
Não havendo um censo, estima-se que haja em Portugal cerca de um milhão de homossexuais. Dez por cento da população. Tantos quantos os apoiantes que reclama o poeta.
Mas não misturemos as coisas, o poeta nada tem a ver com este assunto. Só serve como comparação estatística.
Ora este milhão de pessoas, é muita gente.
Segundo as notícias com que todos os dias nos vão inundando, esta comunidade, exultou com a possibilidade de se poderem casar. Festas, festinhas e festarolas, aconteceram por esse País fora. Dá para pensar e supor que nos próximos tempos, poderemos vir a ter um incremento do número de casamentos.
Aqui chegados, ponho-me a pensar nos verdadeiros motivos que nortearam o nosso querido e adorado líder, Sócrates II O Dialogador, quando propôs, e fez aprovar, com uma maioria de esquerda apressada e medrosa, a Lei que consagra a possibilidade de os homossexuais casarem.
Não acredito que o nosso Primeiro queira casar com alguém do mesmo género, ou que tenha amigos ou familiares que o queiram fazer, e que por essa razão tenha decidido propor tal Lei.
Não acredito que o nosso Primeiro tenha por esta comunidade um tal apreço, que tenha decidido ajudá-los nas suas pretensões, só porque sim.
Por fim, também não acredito que o tenham norteado os ideais de um Portugal melhor, mais solidário e mais progressista.
Tudo não terá passado de uma questão económica. São precisas receitas para equilibrar o orçamento, e este grupo de pessoas passou a ser apetecível.
Casamentos, geram receita para o Estado. Os registos de casamento custam muito dinheiro. Taxas, taxas e taxas, Iva e demais despesas, somam milhões de euros. Taxas e Iva vão directamente para os cofres do Estado. As despesas gerais com os casamentos, gerarão outras despesas com outros valores de Iva, acrescidos dos impostos que as empresas fornecedoras de serviços terão de pagar também ao Estado. É uma bola de neve.
E se o responsável pelas finanças portuguesas viu isto a léguas de distância, o que direi eu das empresas que organizam eventos. Várias são já as que se oferecem para organizar casamentos específicos para homossexuais, e os preços não deverão variar muito dos praticados para os casais heterossexuais, muito embora se possa imaginar que possam até ser mais elevados, dados os previsíveis contratempos na contratação de alguns espaços.
E quantos dos homossexuais quererão casar, agora que vai ser possível? Dez por cento, vinte? Ou seja, cem ou duzentos mil? Para se imaginar o quanto o Estado ganhará com este negócio, é só multiplicar o número de casais que o poderão fazer pelo valor que sabemos que um casamento custa e, depois, como diria um nosso antigo governante, é só fazer as contas. Uma pipa de massa para compor as contas.
Por isso, com o advento de novas receitas, mais do que necessárias aos cofres do Estado, entende-se a fobia do nosso Primeiro, primeiro em querer acelerar o processo e apresentando-o como o cumprimento de uma promessa eleitoral que quereria cumprir de imediato, segundo ao fazer com que a Assembleia da República ignorasse uma petição para a realização de um referendo sobre este assunto, assinada por mais de noventa mil Portugueses, e corresse a votar a Lei que sabia iria passar com os seus votos acrescidos aos dos do BE, PCP e Verdes.
Por estas razões, tudo leva a crer que o nosso estimado líder só considera os gays, queridos e adoráveis, enquanto geradores de receitas para o Estado Português.
Para quê continuarem então a atirar areia para os nossos olhos e a fazer de conta que se importam ou que minimamente se preocupam seja com quem for que não sejam eles?
Um pouco de decoro não lhes ficaria nada mal.

De qualquer modo, ainda faltará a palavra do sr Presidente da República, e um outro problemazinho. É que, se em Portugal se realizarem casamentos gays, em número percentual semelhante aos dos restantes países onde esse casamento já é permitido, as contas do nosso Primeiro e estimável líder, saem furadas, já que não ultrapassarão os um ou dois por cento.


(In O Primeiro de Janeiro, 15-01-2010)
.
.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E, F, G

CONDECORAÇÃO

.
GRÃ-CRUZ DA ORDEM DE CRISTO
.
Enfim, faz-se justiça na próxima terça-feira. Na realidade não se compreendia como persistia ainda Santana Lopes, como o único ex-Primeiro Ministro por condecorar. Ainda para mais ao conhecermos o que hoje nos governa, o inestimável líder, Sócrates II O Dialogador.
Cavaco Silva agraciará um homem de quem não gostava, mas vão já longe os tempos da boa e má moeda.
Vem esta condecoração condicionar o PSD, às portas de um congresso extraordinário, e colocar Santana Lopes ainda mais na ribalta, para melhor discutir e pôr em causa todo o partido.
Depois de Ferreira Leite, é agora a vez de Cavaco dar uma mãozinha a Santana, talvez na vã esperança de salvar um PSD quase moribundo.
Se já é difícil calar Santana Lopes, depois disto ainda mais difícil será conseguir que não diga as verdades que tem para dizer.


.
JFM
.

Ligações:
A, B

SIM ... POIS ... CLARO ... POIS CLARO!

.
???????
.


Casamentos gay, nos casamentos de Santo António?

Novas realidades.
País cada vez mais progressista.

Abençoada capital do que um dia foi um Império.







JFM
.

Ligações:
A,

CERTIFICAÇÕES, SARDINHAS E NÃO SÓ

.
SARDINHA, GRANDE, GORDA, BOA E CERTIFICADA
.
A partir de agora já nos poderemos orgulhar de pertencer ao restrito número de países que têm a sua sardinha certificada (são sessenta em todo o mundo).
Depois de cerca de dois anos de luta, conseguiu-se esse desiderato.
De hoje em diante, ninguém se poderá queixar da menor qualidade do nosso peixe. A nossa sardinha, grande, gorda, boa, certificada, estará sempre à mesa de nossas casas, fazendo parte dos pratos de eleição e de requinte.
A sardinha Portuguesa, será como nenhuma outra, procurada e contribuirá para a melhoria da situação económica do nosso País.
Infelizmente, poucas mais coisas são certificadas em Portugal, e bem que necessitaríamos que tal pudesse acontecer.
Como seria benéfico para este nosso País, que cada vez mais descai para o mar, que os nossos políticos também conseguissem ser certificados com o ISO 9000 ou qualquer outro, fosse ele qual fosse, desde que reconhecidamente aceite pelo mundo inteiro.
Como seríamos afortunados se se pudesse certificar a política nacional, após a certificação dos políticos, que demonstrassem capacidade para fazer singrar o País, eliminar desigualdades, elevar o nível de vida e aumentar a cultura e a educação.
Como ganharíamos muito ao ver o ensino da nossa língua e o da matemática certificados e não do modo que toda a gente vê e diz que estão.
O quanto não beneficiaríamos se a saúde em Portugal pudesse ser para todos, com qualidade certificada, e não só para os muito poucos que têm capacidade económica para a pagar.
O quanto não ganharia o nosso País com uma regionalização feita a sério e certificada com o tal ISO.
O quanto não seria maravilhoso que a nosso sardinha fosse o espelho do nosso País.
Infelizmente não o é, e não o será nunca com estes políticos, com estas políticas, com esta saúde, com esta educação e com este ensino.
.
JFM
.

Ligações:
A, B,
Li

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

AVATAR CRIA ONDA DE ESPECTADORES DEPRIMIDOS

.
O QUE SE PASSA POR ESSE MUNDO FORA
.




O filme de James Cameron está nas bocas do mundo. A caminho de ser o filme mais lucrativo de sempre, os críticos continuam divididos.
Agora surge uma outra polémica. O filme, dizem, não é próprio para pessoas sensíveis. A classificação, que impõe a idade mínima para poder ser visto, e que era aqui em Portugal «para maiores de seis anos», vai passar para um dos escalões acima. Se calhar até, «só para adultos». E isto porque, por esse mundo fora, há casos de depressões e até de tentativas de suicídio, provocados pelo visionamento do filme. Isto com pessoas sensíveis é assim!
Em Portugal, não há casos desses. Os Portugueses são fortes, física e mentalmente. As dificuldades por que passamos, os problemas de todos os níveis que vivemos, a falta de empregos, os ordenados baixos (para os afortunados que têm trabalho remunerado), a crise no ensino, a crise política, a crise económica, a crise e a crise, e ainda a crise governamental que a todos nos afecta, dão-nos uma capacidade (de sacrifício e de aguentar as adversidades) que se calhar os outros povos, chamados de evoluídos e economicamente estáveis, não possuem.
Desta forma não sofremos por não termos o que os outros têm. Não entramos em depressão porque há países nos quais os seus habitantes vivem muito melhor que nós. E acima de tudo não nos passamos dos carretos porque um filme retrata uma vida que não existe e que se existisse seria muito boa e até, quem sabe, fantástica.
Nós os Portugueses, somos fantásticos.
No entretanto já se prepara uma sequela do filme.



.
JFM
.

Ligações:
A, B

REGRAS DE ALLAH

.
COMO DIZ QUE DISSE?
.

Um dia que o regime caia, não quereria estar na pele dos Mulás.
.
JFM
.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

SEGUREM-ME SENÃO EU VOU

.
NÃO QUERO, MAS SE INSISTIREM MUITO...
.
Confesso que gosto muito de Luís Filipe Menezes, mas o homem não deixa de ser um pândego. Agora vem com a rábula do «segurem-me senão eu vou ...», «Não quero nada ... mas ... não ponho de parte qualquer hipótese».
Outra vez para a presidência do partido? Para se queimar outra vez? Será que ele não vê que o tempo dele já passou? Ele mesmo o disse quando quis dar lugar aos mais novos. E agora vem com esta?
Enfim, mais uma para esquecer e aquecer este inverno tão fresquinho.

.
JFM
.

Ligações:
A,

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

COMO SE FORA UM CONTO - BRRR, QUE FRIO!

.

QUE DRAMA, ESTÁ FRIO!

.

Brrrrr … Que frio!

Mais um drama se abateu sobre os cidadãos portugueses. Já não bastava a recessão que teima em não acabar, veio agora o frio.

Nestes dias, a temperatura desceu muito. Os termómetros marcam valores abaixo de zero em quase todos os locais do país, e parece que vai continuar assim mais algum tempo.

Portugal tirita de frio.

As rádios e as televisões desdobram-se em reportagens e entrevistas com os habitantes de Bragança, de Chaves, da Guarda ou da Covilhã. Vão à procura de saber como se sobrevive a tamanha calamidade. Em todo o lado as respostas são as mesmas. Não há grandes variações. – olhe menina, pomos mais uma camisola, acendemos a lareira e já está. De manhã vamos à janela e se está mais fresquito, agasalhámo-nos melhorzinho. A vida é assim, sabe?!

Não é propriamente isso que os repórteres procuram. Então e as dificuldades, então e as tristezas, então e a falta das notícias dos nossos protectores, lá nas aldeias perdidas do interior? Como sabem o que fazer? Não sentem falta de apoio da governação? De quem é a culpa deste estado de coisas?

Na realidade pensam (?) as cabeças pensantes deste nosso país, que nunca houve frio, nunca as temperaturas descendam a valores negativos, e que ninguém sabe cuidar de si. Para tal, arranjaram uma instituição que nos ensina, avisa e protege, a ANPC (Autoridade Nacional de Protecção Civil).

Esta autoridade, tem por principal desígnio chamar-nos de parvos, tolos e ignorantes. Inventaram umas cores e lá nos vão chapando com elas de cada vez que acham que nós não somos capazes de pensar no que fazer. Ensinam-nos que quando está frio nos temos que agasalhar, quando chove e venta temos que usar guarda-chuva e abrigarmo-nos, quando o mar está alterado devemos ter cuidado e não ir-mos para o mar para pescar ou recrear, e até mesmo, que se estiver gelo na estrada devemos andar com cuidado e mais devagar. Isto no inverno, que no verão é a mesma coisa, mas com o calor. Para além de muitas outras coisas de algum valor e utilidade. E, para que não nos esqueçamos que ela existe, lá vão diariamente fazendo comunicados em cima de comunicados, dando cores amarela, laranja, azul e vermelha, às diversas situações que se vão apresentando.

Sim, eu sei que esta organização foi criada para ensinar os habitantes das cidades grandes do litoral, onde vivem a maior parte dos ignorantes nestas coisas do frio, do calor e dos ventos, mas, não poderia a Autoridade fazer o seu trabalho em sossego, e em silêncio, trabalho esse que até pode ser muito importante, e deixar-se de tanto barulho e propaganda?

Não sei se por sugestão desta Autoridade, a partir do ano que passou, as casas novas para além da licença de habitabilidade, têm também de ter um certificado de desempenho energético de edifícios e qualidade do ar interior, para que se tenha a certeza que o calorzinho dos aquecedores e lareiras não se vai pelas frinchas das janelas e portas, e que o ar que respiramos é sempre da melhor qualidade. Sem ele, o certificado, não se pode habitar nesses edifícios. Até que nem é mal pensado. A Autoridade tem razão.

Que seria de nós, pobres desgraçados, sem a ANPC e todas estas protecções?

É que agora, este ano, este mês, está mesmo um frio de rachar.


.
JFM
.
(In O Primeiro de Janeiro, 11-01-2010)

Ligações:
A, B, C, D, E, F, G, H, I
J, K, L, M, N, O, P,Q, R
S,T, U, V, X, Z

domingo, 10 de janeiro de 2010

É MUITO FEIO GOZAR COM OS POBREZINHOS

.
PORTUGAL É O 21º CLASSIFICADO EM 194
.
De entre 194 países, e no que respeita à qualidade de vida, Portugal está mais bem classificado que o Reino Unido, Grécia, Eslovénia, Mónaco, Suécia, Polónia e mesmo o Japão, na lista da revista International Living.
Será que estes senhores conhecem Portugal? Já cá terão vindo?
Os gajos são parvos ou quê? E se fossem gozar com outros senhores?

.
JFM
.

Ligações:
A

HELTON EM GRANDE

.
FCPORTO 3 - ULEIRIA 2
.
Poderia ter corrido muito mal ao Porto. Ao minuto 93, um penalti defendido por Helton, garantiu a vitória.
Grande jogo do FCPorto não concretizado numa grande diferença de golos. Sofreu muito e venceu pelo margem mínima. Continua à espera dos tropeções dos comandantes que estão quatro pontos à sua frente.
Helton, de frangueiro a herói, Falcão, um golo com cada um dos pés, Bruno Alves, cabeça de oiro, Djuricic injustamente expulso, Elmano Santos, erros em cima de erros.


.
JFM
.

Ligações:
A, B, C, D, E

AFINAL TERÁ SIDO MAIS CAROTE

.
GODINHO, VARA E COMPANHIA
.
Estes tipos são uns pândegos.
Andaram por aí a dizer que o sr Vara se vendeu por uns míseros dez mil euros, quando, até já o saberiam na altura, se adivinhava que o vice-presidente do BCP não se venderia. Pelo menos nunca por verba tão ridiculamente pequena.
Vem agora a notícia um pouco mais credível, muito embora ainda custe a crer a muita gente que se continue a falar unicamente de verbas tão escassas.
Na realidade, pensa o Ministério Público, para além dos primeiros dez mil euros, que poderiam ter servido de entrada, houve mais uma outra entrega, esta de vinte e cinco mil euros, paga durante um jantar em casa de Godinho, no Furadouro, Ovar, onde também esteve um amigo e colega fundador de Vara na Fundação para a Prevenção e Segurança Rodoviária , Lopes Bandeira, que terá recebido de igual modo, idêntica quantia.
O MP, não acredita que os termos ouvidos nas escutas telefónicas, «25 quilómetros» e «50 documentos», sejam unicamente frases de calão utilizados na banca.
Enfim, o sr Vara parece estar numa camisa com mais varas do que as que ele pode aguentar.

.
JFM
.

Ligações:
A, B, C

sábado, 9 de janeiro de 2010

RIO AVE PERDE EM CASA

.
RIO AVE 0 - BENFICA 1
.
Só na segunda parte o Rio Ave claudicou. Se não fosse Saviola, a equipa da capital teria deixado fugir o Braga. Seis jogos a marcar e já leva oito golos no campeonato. O Benfica das goleadas ganhou com dificuldade.
Bruno Paixão, como de costume, foi um dos protagonistas do jogo.
Bem, e o Rio Ave se calhar não merecia perder, pelo menos a julgar pela primeira parte do jogo.

.
JFM
:

Ligações:
A, B, C, D

PEUGEOT SR1 - MAIS UM CARRO DE SONHO


.
O SUCESSOR DO 407, CHAMA-SE 508
.

A Peugeot levantou o véu sobre a linguagem de design a ser adoptada pelos novos modelos da marca francesa com a revelação do SR1, o protótipo de um «Roadster Grande Turismo» que o construtor vai apresentar em Março, por ocasião do Salão Automóvel de Genebra, e que poderá antecipar as linhas da nova berlina 508, sucessor do 407.

O SR1, que ostenta o novo logótipo do leão, integra a tecnologia Hybrid4 (que será aplicada em série no 3008 a partir de 2010) contando com um motor dianteiro a gasolina 1.6 THP de 218 cv, associado a um propulsor eléctrico de 95cv. Em conjunto, os dois motores desenvolvem uma potência máxima combinada é de 313 cv, com a marca a anunciar, uma média de consumos, em ciclo urbano, de 4,9l/100km e emissões de CO2 de 119g/km.

Para além das quatro rodas motrizes, este protótipo estreia também a tecnologia de 4 rodas direccionais. A ser adoptado nos modelos híbridos da marca, neste sistema, o grau de viragem das rodas traseiras está relacionado com a sua velocidade, através de pequenos braços motorizados situados ao nível dos triângulos traseiros, o que confere, em qualquer circunstância, a máxima agilidade ao veículo.


Tirado daqui


.