segunda-feira, 25 de maio de 2009

DESEMPREGO? OPTIMISMO SEM MODERAÇÃO

.
OPTIMISMO SEM MODERAÇÃO
.
O nosso Primeiro é um pândego. Diz-se um optimista, criador de empregos, e com a sua lábia lá nos vai tentando enganar. Apesar de já termos ultrapassado a barreira dos quinhentos mil desempregados, este nosso governante (espera-se que não por muitos mais meses) vem criticar os pessimistas e o que ele chama de negativismo das oposições, dizendo que nunca viu um pessimista criar um posto de trabalho. Eu diria que nunca vi um optimista mentiroso criar um.
O homem tinha prometido cento e cinquenta mil empregos , para cento e cinquenta mil empregados, durante os quatro anos em que nos ia (des)governar, e afinal foram criados muitos mais, mas, ao contrário, foram criados mais de cento e cinquenta mil desempregados.
Eu sei que estamos em plena campanha eleitoral, onde parece tudo ser permitido, mas, não me restam dúvidas que é preciso ter lata, para afirmar tal coisa.
E é que nunca mais chega o mês de Outubro, caramba!

.
JM
.

Sem comentários: