segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

O QUE O PAÍS QUER E O QUE NÃO QUER

.
AS COISAS QUE O PAÍS QUER E NÃO QUER



O País quer soluções vindas dos líderes políticos
.
Se há frase com que eu mais concorde, é com esta. O nosso Primeiro tem toda a razão.O País não quer descrições da crise. Essas já todos nós sabemos. Só não sabemos quais as verdadeiras soluções protagonizadas pelo nosso Primeiro.
Ele bem diz que o País não pode ficar parado e que são necessárias soluções "pragmatistas", mas o que se vê é que fala muito, faz muita propaganda, diz o que toda a gente sabe, mas não sabe o que toda a gente diz. Que ele é tão-somente um bom vendedor de ideias que não tem, e de soluções que não conhece.
.

O País quer a Liga a melhorar

O Sporting lá ganhou em casa ao Benfica, alcançando-o no 2º lugar.Agora só falta que o Leixões também ganhe para que o lugar fique bem preenchido. Mas isso é só na segunda-feira.
De qualquer forma, bem podem ficar todos muito satisfeitos com todos estes resultados, que mesmo assim, o Campeão já leva quatro pontos de avanço. Ai Porto, Porto, para já muitos correm, mas não te apanham.
Até parecem dois campeonatos, o teu, sozinho, e o deles, todos juntos.


As coisas que não quer

Há trinta e tal anos, havia 4 funcionários numa empresa estatal, chamados Toda-a-Gente, Alguém, Qualquer-Um e Ninguém.
Havia um trabalho importante para fazer e Toda-a-Gente tinha a certeza que Alguém o faria. Qualquer-Um podia fazê-lo, mas Ninguém o fez. Alguém se zangou porque era um trabalho para Toda-a-Gente. Toda-a-Gente pensou que Qualquer-Um podia tê-lo feito, mas Ninguém constatou que Toda-a-Gente não o faria. No fim, Toda-a-Gente culpou Alguém, quando Ninguém fez o que Qualquer-Um poderia ter feito.
Foi assim que apareceu o Deixa-Andar, um 5º funcionário para evitar todos estes problemas.
E desta maneira, nasceu o Portugal democrático dos dias de hoje.

.
(Também no blogue, Clube dos Pensadores, onde pode ler comentários)

.
JM
.

Sem comentários: