sábado, 21 de fevereiro de 2009

O DEIXA-ANDAR

.

ERA UMA VEZ...

Há trinta e tal anos, havia 4 funcionários numa empresa estatal, chamados Toda-a-Gente, Alguém, Qualquer-Um e Ninguém.

.

Havia um trabalho importante para fazer e Toda-a-Gente tinha a certeza que Alguém o faria. Qualquer-Um podia fazê-lo, mas Ninguém o fez. Alguém se zangou porque era um trabalho para Toda-a-Gente. Toda-a-Gente pensou que Qualquer-Um podia tê-lo feito, mas Ninguém constatou que Toda-a-Gente não o faria. No fim, Toda-a-Gente culpou Alguém, quando Ninguém fez o que Qualquer-Um poderia ter feito.

.

Foi assim que apareceu o Deixa-Andar, um 5º funcionário para evitar todos estes problemas.

.

E desta maneira, nasceu o Portugal democrático dos dias de hoje.


.


2 comentários:

Rita disse...

É a história de Portugal, sim senhor. Gosto de passar por aqui e ver este ponto de vista crítico.

Bom fds :)

ATRIBUTOS disse...

Obrigado Rita,

Bom fim de semana

JM