domingo, 8 de fevereiro de 2009

CORTIÇA

.
CORTIÇA COM PROBLEMAS
.
.
No sector das cortiças, os trabalhadores andam com muitas dores de cabeça. Os despedimentos também não param.
Centenas, juntaram-se neste sábado, em vigília contra falsa crise.
Sendo verdade que as pequenas firmas necessitam do apoio do Estado para não encerrarem, é dificil acreditar que as grandes empresas estejam com problemas que as levam a despedir pessoal, enquanto se diz à boca muito pequenina, que pelo menos uma delas, começa por despedir algum pessoal para depois fechar pois vai abrir uma outra empresa em Marrocos. Se é que já não abriu!
Tudo leva a crer que também por cá, o aproveitamento da crise para despedir gente é uma prática corrente.
Depois há quem entenda que o sr Louçã tem razão.
Pois!

.
.
(In O Primeiro de Janeiro, 09-02-2009)
(Também no blogue Clube dos Pensadores, sob o título, Fim de Semana Dos Diabos)
.
JM
.

Sem comentários: