domingo, 18 de outubro de 2009

CARTAZES PARA QUE VOS QUERO (II)

.
AINDA ESTAMOS ATOLADOS NELES
.
De uma maneira geral, andamos todos os dias pelas mesmas ruas, pelos mesmos sítios, e nem damos pelas diferenças ou pelas não diferenças na paisagem. Mas deveríamos estar com mais atenção.
Desde há uns meses que fomos inundados por cartazes políticos. Cresceram como cogumelos por todo o lado. Eles são grandes, pequenos, médios, estão presos ao chão, pendurados em postes ou suspensos em cabos que atravessam as ruas. Há-os para todos os gostos e feitios.
Já em tempos, escrevi sobre eles, e sobre a sua necessidade.
Neste fim de semana, fui passear olhando "com olhos de ver". Afinal, já há uma semana que se realizou a última eleição desta série de três, e se os partidos políticos e os candidatos foram tão céleres a colocá-los, também o deveriam ter sido a retirá-los.
No entanto, tal não aconteceu. Ainda por aí estão, espalhados por todo o sítio. Uns ainda como novos, outros um pouco degradados e outros ainda, totalmente desfeitos. A poluição visual é tremenda.
Porque se não exige, os autarcas eleitos é que o deveriam fazer, que os partidos ou candidatos que os colocaram, os retirem num espaço de tempo que tem de ser necessariamente muito curto, e que arranjem o que estragaram para os colocarem ? Vamos ter de continuar a "gramar" com este espectáculo por mais tempo? Ainda há, por aí, alguns cartazes das eleições de Junho, muitos das eleições de Setembro, e praticamente todos das eleições de Outubro. Não há multas para quem não os retira atempadamente?
Ou então porque não tomam as Autarquias, nas suas mãos e imediatamente, essa retirada e esse arranjo, e depois apresentam a conta a quem de direito?
Aqui fica a reclamação e a sugestão, dirigidas aos senhores autarcas do meu País.

.
JM
.

Sem comentários: