segunda-feira, 30 de março de 2009

INCONSCIENTEMENTE

.
ISALTINO I, O CONSCIENTEMENTE INCONSCIENTE
.
E assim, lá vamos tendo uns autarcas esquecidos, como o outro político que nem se lembra de sair de conselheiro, que guarda uns troquitos, de sobras de dinheiro que lhe deram para as campanhas políticas, numa pequena conta na Suíça. Coisa de somenos importância, de tal maneira que se esqueceu de a mencionar nas suas declarações.
Justifica o injustificável com justificações inconscientes que nos querem fazer passar por parvos. O problema é que somos realmente parvos, e na próxima oportunidade, lá votaremos em senhores deste quilate. Seja porque gostamos dele, seja porque nos oferece um qualquer electrodoméstico.
A não ser que eu esteja a ver mal o problema e na realidade assim é que está bem!

.
JM
.

Sem comentários: