terça-feira, 14 de julho de 2009

QUEM TE AVISA...

.
SERÁ OU NÃO TEU AMIGO
.
.
Manuel Alegre não larga os fundilhos do ainda nosso Primeiro, que não tem descanso, fora do partido onde é contestado por todos, e dentro do partido onde já é contestado por muitos.
Os mais mediáticos são Costa e Alegre, para já.
O homem dos versos não aceita ser candidato ao Parlamento, não aceita trabalhar para o programa do governo, não se cala, diz o que o sr Pinto de Sousa não quer ouvir, e aguarda que o chefe do partido, se ainda for o mesmo depois das legislativas, ou seja ele qualquer outro como por exemplo Costa, o apoie incondicionalmente quando chegar a altura de ele (Alegre) se perfilar como candidato à Presidência da República.
Os indefectíveis de Sócrates, entendem que o poeta se afasta cada vez mais do PS, mas na realidade, Alegre (actuando como se fosse ele o verdadeiro chefe do partido) só está a afastar cada vez mais Sócrates , que, isolado vai desaparecer numa manhã sem nevoeiro lá mais para o Outono.
A necessidade de renovação dentro e ao lado do partido socialista é por demais evidente. A classe política tem de mudar, as pessoas têm de ser outras, com novas ideias, com novas posturas, como se pode ver pelo governo, ou pela concelhia do Porto do PS.

.
JM
.

Sem comentários: