terça-feira, 14 de julho de 2009

SE EU FOR BONZINHO E NÃO TE ABORRECER MUITO, TU VOLTAS A SER MEU AMIGO?

.
VÁ LÁ, VEM PARA A MINHA BEIRA
.
.
O ainda nosso Primeiro, vai fazer das tripas coração, para convencer o poeta a integrar as listas do PS à Assembleia da República. Alegre já disse que não queria, mas o partido, ou melhor, o sr sócrates precisa imenso dele. Há que reconquistar a parte esquerda do eleitorado, e sem Manuel Alegre a coisa pode ficar feia.
Vão ser usados todos os truques, todos os subterfúgios, mesmo todas as manobras, por mais esquisitas que o sejam. Começam por lhe pedir em voz baixa e com jeitinho, seguindo-se apelos em voz alta, depois pedidos públicos, queixinhas, choraminguices, arrastar de pés e mesmo gritos. O sr Pinto de Sousa, ele mesmo ou por interposta pessoa, vai sujeitar-se a humilhações, só para poder dizer que conta com o poeta nas suas listas, e o mais certo será que não veja conseguidas as suas pretensões. Só mesmo se usar a chantagem de, "só te apoio nas Presidenciais se fizeres o que eu te digo agora," e mesmo assim, é duvidoso. Mas o homem é capaz de tudo e se conseguir os seus intentos, alguma coisa avultada terá de dar em troca. E dará!
Só se espera que Manuel Alegre, seja igual ao que eu julgo que ele é, e nem se digne receber, ou depois responder, ao sr ainda Primeiro Ministro de Portugal.

.
(In O primeiro de Janeiro, 14-07-2009)
.
JM
.

Sem comentários: