quarta-feira, 30 de setembro de 2009

NÃO HÁ COLIGAÇÕES

.
.
CDS NÃO QUER FAZER PARTE DE UM GOVERNO A PRAZO
.
Ponto por ponto, o CDS fará negociações caso a caso. O mesmo fará o BE e a CDU.
Nesta navegação à vista, Sócrates terá de governar bem e a contento do povo. Previsivelmente, após as eleições de Janeiro de 2011, o governo cairá, e o partido socialista tem de estar preparadao para nessa altura tentar de novo a maioria absoluta.
No entretanto, com a também previsível saída a muito curto prazo de MML da liderança do PSD, depois da traição do Presidente, Pedro P Coelho perfila-se, com Menezes a ajudar.
Enquanto se espera pela comunicação de hoje à noite, do Presidente, Sócrates espEra por um telefonema para poder começar a trabalhar.
.
(Trancrito parcialmente no PÚBLICO de 30-09-2009)

.
JM
.

Sem comentários: